RSS

Blog marcado com 'orgânico'

Testei // shampoo orgânico murumuru Amazônia Preciosa – Surya Brasil

Apesar do meu cabelo ser seco e eu estar acostumada a comprar produtos para cabelos secos, danificados, tingidos e etc, depois que comecei a usar shampoos naturais optei por comprar aqueles que são voltados para cabelos mistos, normais e até oleosos, para que pudessem “limpar” um pouco mais o couro cabeludo. Isso porque esse tipo de shampoo é bem mais suave do que um shampoo comum pois eles não contém sulfatos (que limpam mas também ressecam o cabelo) parabenos, derivados de petróleo, falatos e nem fragrâncias artificias, o que é ótimo, porém no meu caso, que tenho a raíz normal, estava sentindo falta de uma limpeza maior!

mulher-lavando-cabelo

Foi então que achei o shampoo orgânico de murumuru da linha Amazônia Preciosa da Surya Brasil.

IMG_5597

Comprei no SPA Surya mesmo, que já falei em outro post, AQUI. O shampoo não é barato, mas a embalagem em “pump” ajuda a economizar. Os ingredientes são naturais, extraídos de maneira sustentável e orgânicos!

IMG_5598

Vamos à resenha:

Pontos Positivos

  1. Produto NATURAL – sem parabenos, sem sulfatos, sem derivados de petróleo, sem solventes, sem perfumes artificiais nem corantes e é orgânico.
  2. Possui todos os certificados – cruelty-free, ECO CERT, VEGAN, etc,
  3. Ótima textura – firme e fácil de espalhar
  4. Limpa bem o couro cabeludo SEM ressecar.
  5. O cheiro é super suave, natural – tem um cheiro de mato bem agradável e leve.
  6. Embalagem em “pump” ajuda a não desperdiçar o produto.

Pontos Negativos

  1. Não é de fácil acesso – somente encontrado em poucos sites ou na própria SURYA.
  2. Um pouco caro

No geral adorei o produto. Por enquanto é um dos melhores shampoos naturais que já usei – lava bem o cabelo, não fica pegajoso e também não ressaca – compraria de novo com certeza! :)

Publicado em 

Qual é a diferença entre cosméticos orgânico, vegano e natural?

Postado por Alva Brasil

 

A certificadora “EcoCert” é um dos órgãos que asseguram que um cosmético seja realmente orgânico e natural.

Vegano? Orgânico? Natural? Qual a diferença? Os termos são muitos e a confusão é inevitável, mas vamos explicar para você. Confira:

O que é um cosmético natural?

A lei brasileira não determina o que é um cosmético natural, o que faz com que algumas marcas se aproveitem dessa lacuna e digam que seus produtos são “naturais”, embora possam conter químicas nocivas para a saúde.

De acordo com órgãos particulares que inspecionam várias marcas de produtos orgânicos e naturais no nosso país e lá fora, para ser natural o produto precisa conter no mínimo 95% de ingredientes naturais e 5% de ingredientes orgânicos. 

Essas certificadoras, como o IBD e a EcoCert, também determinam uma vasta lista de ingredientes proibidos, ou seja, ingredientes que as marcas não poderão usar na formulação dos produtos por serem perigosos para a saúde e para o meio ambiente.

O que é um cosmético orgânico?

Para as certificadoras de produtos orgânicos, um cosmético orgânico é aquele que possui no mínimo 95% de matérias-primas orgânicas em relação à quantidade total de matérias-primas naturais utilizadas na formulação.

O que é um cosmético vegano?

Um cosmético ser vegano não tem a ver com ele ser natural ou orgânico, mas sim com o fato de ele não possuir ingredientes de origem animal e nem ser testado em animais. O veganismo é uma filosofia de vida que pretende abolir o uso e exploração de animais para qualquer atividade humana – alimentação, entretenimento, beleza, etc.

 

Embora as explicações sejam um pouco técnicas, o mais importante é que o consumidor possa saber que ainda não temos uma legislação sólida no Brasil acerca de produtos orgânicos e naturais. Isso significa que devemos procurar sempre cosméticos orgânicos e naturais certificados por órgãos competentes, pois eles seguem rígidos padrões de qualidade.